Bem-vindo à BOL. O nosso site usa cookies e outras tecnologias para personalizar a sua experiência e compreender como você e os outros visitantes usam o nosso site.
Para ver uma lista completa das empresas que usam estes cookies e outras tecnologias e nos informar se podem ou não ser utilizadas no seu dispositivo, aceda à nossa página de política de cookies.

Concordo
Distrito Sala
Detalhe Evento
Concerto Música Anglofrancesa 19 nov 2021

Concerto Música Anglofrancesa 19 nov 2021

Música & Festivais | Concerto

Teatro Nacional S. Carlos

Salão Nobre
Classificação Etária
Maiores de 6 anos
Bilhete Pago
Todas as Idades
2021
nov
19

Sessão

19 nov 2021 20:00
Dias
Hrs
Min
Seg

Promotor

OPART - Organismo de Produção Artística, EPE

Breve Introdução

Teatro Nacional de São Carlos
Salão Nobre
19 de novembro de 2021 às 20h

Música Anglofrancesa para oboé e cordas

Benjamin Britten, Fantasy Quartet Op. 2
Arthur Bliss, Oboé Quintett
Maurice Ravel, Le Tombeau de Couperin (arranj. Robert Winer), para oboé e quarteto de cordas

Alexander Stewart, Violino I
Regina Aires, Violino II
Isabel Pereira, Viola
Aida Zupancic, Violoncelo
Luís Auñón Pérez, Oboé

Na história da música sempre houve intérpretes marcantes. O oboísta inglês Léon Goossens (1897-1988) é um desses casos: as duas primeiras obras do programa foram-lhe dedicadas e por ele estreadas. O Fantasy Quartet de Benjamin Britten, escrito aos 18 anos, trouxe o reconhecimento internacional ao compositor quando foi apresentado em Florença em 1934. O Quinteto para Oboé e Cordas, de Arthur Bliss, foi estreado em 1927, também por Léon Goossens. É uma peça viva e variada, que explora todas as potencialidades do oboé.

A suíte para piano Le Tombeau de Couperin de Maurice Ravel baseou-se numa tradicional suíte barroca e procurou homenagear os grandes compositores franceses barrocos para teclado. A palavra tombeau do título remete para um termo musical francês comum no século XVII que significava "peça escrita como memorial" e cada um dos andamentos desta obra composta entre 1914 e 1917 é dedicado à memória de amigos do compositor que morreram lutando na I Guerra Mundial. Para além do próprio Ravel, muitos outros músicos têm orquestrado partes ou totalidade da partitura. O arranjo de Robert Winer para oboé e cordas insere-se nessa constante tradição.

M/6

Informações Adicionais

O Teatro Nacional de São Carlos cumpre as recomendações e as regras de segurança emanadas pela Direção-Geral de Saúde e encontra-se certificado pela Inspeção-Geral das Atividades Culturais com o selo "Clean and Safe".

Uso obrigatório de máscara.

As datas e horários dos espetáculos poderão ser alterados, em resultado de medidas de combate à COVID-19 que o Governo ou as autoridades de saúde possam vir a decretar.
As atualizações serão comunicadas nos nossos canais digitais:
www.saocarlos.pt
https://www.facebook.com/SaoCarlos
https://www.instagram.com/saocarlos1793/

Preços

  • Geral - 10€

-
Partilhar

Serviços Adicionais

Veja ainda: